Google
 

sexta-feira, 23 de julho de 2010

sábado, 17 de julho de 2010

Flamengo e a Nova Era

Em um determinado momento da vida temos que parar e pensar no que fizemos e o que queremos no futuro. Este é o momento vivido pela atual gestão do Flamengo.

Formada por pessoas que amam a instituição e que ajudaram honestamente a trazer glórias para a vasta sala de troféus e sua torcida. Trazem consigo um conceito perdido há tempos; a MORALIDADE.

Está mais do que na hora da instituição voltar a ter sua história, suas regras, seus deveres e direitos respeitados. Pouco importa se para isso haverá um período de abstinência de títulos. O Flamengo como um todo precisa de estrutura, sobretudo para o futebol, seu carro chefe; um CT com bons campos, salas de treinamento, restaurante e acomodações. Sem falar de um estádio que comporte adequadamente sua torcida e jogadores dignos de vestir o manto sagrado.

O episódio Bruno é uma mancha na história do Clube mas também se espera que seja um marco para o ínicio desta mudança. A Presidente Patrícia Amorim precisa ter calma e prudência para falar sobre decisões a serem tomadas. O ídolo Zico foi perfeito em suas declarações ao enfatizar que o Flamengo deve ser respeitado mas que deve reconquistar o respeito.

É notório que ocorrerão mudanças desde a base até os profissionais em todas as modalidades, senão de nomes, com certeza de postura. Vamos confiar e aguardar, até porque, pior do que está não dá para ficar.




Até a próxima cornetada,

quinta-feira, 1 de julho de 2010

Paraguai

Mesmo jogando no esquema 4-3-3, o Paraguai continua com os seus 11 jogadores atrás da linha do meio campo.

Conhecidos por uma defesa eficiente, nesta Copa, vêm se mostrando que possuem bons atacantes.

Destaque para o Roque Santa Cruz.

Reparem que empre fazem jogo duro, se ganham ganham de pouco, se perdem , perdem também de pouco.

ST